Tribunal aperta cerco aos partidos políticos

Gastos com carros, combustíveis, comícios, brindes e recebimento de donativos e heranças vão estar sob o controlo de observadores da Entidade das Contas que estarão no terreno.

De acordo com a edição de hoje do "Correio da Manhã", a Entidade das COntas e Financiamentos Políticos (ECFP) vai verificar à lupa todas as contas dos partidos, desde os almoços e jantares das campanhas eleitorais aos financiamentos, passando pelos donativos em espécie. Tudo em nome da transparência e do combate à corrupção.

Segundo o novo regulamento, em vigor desde o passado dia 10 de janeiro, é obrigatório entregar à ECPF, no caso de eleições, uma lista de todas as ações de campanha, com data, local de realização e despesa. No caso dos jantares e almoços é obrigatório declarar o número de participantes, e se cada pessoa pagou o seu valor.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG