Só uma em cada cinco vítimas de enfarte pede ajuda ao 112

Só 22% das vítimas de enfarte fazem o que os médicos recomendam: ligar para o 112. A maioria vai por meios próprios para as urgências.

Quando se está a ter um enfarte do miocárdio, o ideal é agir nas duas horas após os sintomas, mas pode-se ir às urgências até 12 horas seguintes. Se for feita uma angioplastia (procedimento que desobstrui a artéria entupida), o doente pode sair ileso. No entanto, apenas 22% dos portugueses fazem o que é correto: ligar para o 112 e acionar a Via Verde Coronária, segundo o Público.

Lisboa e Vale do Tejo é a região de Portugal com piores resultados. Apenas 14% ligam para o número de emergência. Paradoxalmente, é a região onde se concentram mais recursos e onde os pacientes estão mais próximos dos hospitais.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG