Portas trava RTP e agita coligação

Portas resiste à privatização de 49% da empresa e força adiamento de uma decisão do Governo - que Passos e Relvas queriam já na próxima semana. Consultores alertam que processo pode demorar um ano. CDS já reclama 'contrato blindado' e admite entraves em Belém.

Não foi no último Conselho de Ministros do ano velho e pode nem ser no primeiro do ano novo. As divergências na coligação sobre o caminho a dar à RTP voltaram a atrasar a decisão sobre o modelo de privatização da empresa.

Depois de terem prometido uma decisão até final de 2012, Passos Coelho e Miguel Relvas apostavam agora em fazê-lo no próximo Conselho de Ministros, dia 3 de janeiro. No entanto, de acordo com o semanário "Sol", Paulo Portas colocou novos entraves à solução preferida do ministro da tutela e nem sequer vai estar presente nessa reunião. No mesmo dia 3 tem marcado o tradicional seminário diplomático de ano novo. E, na melhor das hipóteses, o Governo só decidirá a RTP no dia 10.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG