Declaração de Guerra

Entrevista de Diana à BBC, em Novembro de 1995, marca início da ofensiva contra Carlos.

Diana admitiu abertamente ter tido um caso amoroso com um instrutor de equitação, James Hewitt, na primeira entrevista depois da separação. Afirmou também que preferia “ser a rainha dos corações” do que“ rainha deste país. Não acho que haja muita gente que me queira ver como rainha”. A conversa de uma hora como repórter da BBC, Martin Bashir, foi preparada de forma muito discreta.


Num domingo, a equipa da televisão foi secretamente ao palácio de Kensington, depois de todos os funcionários terem sido dispensados. Com olhar dramático, a princesa mostrou revolta por ser tratada “como um fardo”. Um ano antes, Carlos admitira manter um romance com Camilla, também à BBC. A entrevista foi vista como uma declaração de guerra pela família real e a relação desta com a televisão pública esteve sob tensão. A entrevista teve uma audiência de 15 milhões de espectadores.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG