Exército egípcio apoia reformas de Mubarak até às eleições

O exército do Egipto afirmou hoje em comunicado que vai garantir eleições livres e ser o garante das reformas prometidas por Hosni Mubarak, mas advertiu contra qualquer atentado à segurança do país ou dos cidadãos.

No comunicado, lido na televisão estatal, o exército apela para um regresso à vida normal, numa altura em que milhares de pessoas continuam a manifestar-se exigindo o afastamento do Presidente Mubarak.

A lei de emergência, vigente no país desde 1981, será levantada "assim que terminar a situação actual", lê-se.

A declaração, a segunda do exército em dois dias, foi divulgada depois de uma reunião do conselho militar supremo, presidida pelo ministro da Defesa, Mohammed Hussein Tantaui. Nela, os militares declaram o seu apoio ao plano de Mubarak para uma transferência pacífica do poder.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG