Duzentos ilegais impedidos de entrar em Melilla

Centenas têm tentado passar fronteira do enclave espanhol em África.

Cerca de 200 imigrantes ilegais tentaram na madrugada de segunda-feira passar à força a fronteira entre Marrocos e Espanha, na pequena cidade de Melilla , um enclave no Norte de África. As autoridades impediram a passagem dos ilegais com gás lacrimogéneo. Em resposta, os guardas de fronteira foram atingidos com paus e pedras. No confronto, ainda em território marroquino, oito polícias, de nacionalidade desconhecida, ficaram feridos sem gravidade. Nas últimas semanas, centenas de africanos têm tentado entrar em Melilla , aproveitando a destruição causada nos postos fronteiriços pelas recentes chuvas torrenciais na região. E a situação repete-se pelo sul da Europa. Domingo, mais de 300 imigrantes clandestinos desembarcaram na ilha italiana de Lampedusa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG