Quem é a mulher que leu o comunicado da ETA?

É uma mulher que dá a voz ao vídeo que a ETA entregou à BBC para divulgação do comunicado em que esta organização terrorista anuncia mais um cessar-fogo.

Segundo as autoridades, pode tratar-se de Izaskun Lesaka ou de Iratxe Sorzabal, duas bascas que fazem parte da actual chefia da organização terrorista. Uma coisa é certa: trata-se da mesma mulher que leu o comunicado comemorativo dos 50 anos da ETA em Janeiro do ano passado.

Izaskun Lesaka Arguelles está há vários anos como uma das responsáveis pelo aparelho político da ETA e encontra-se fugida desde 2005. Os peritos sabem que é a autora de vários comunicados da organização e que também já deu ordens aos comandos militares.

Iratxe Sorzabal, de 38 anos, é militante da ETA desde os anos 90. Foi acusada de participação em três atentados mortais e, após ser detida em 2001, denunciou torturas e foi absolvida pelos tribunais. Ocupou o cargo de porta-voz da Gestoras Pró-Amnistia, uma organização que defende os interesses dos presos, e passou mais tarde à clandestinidade. Foi detida em França, onde esteve três anos, e depois de cumprida a pena chegou a ser deputada do Batasuna.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG