Mourinho quer ser "campeão do Mundo" com a selecção

O treinador confessou que sonha dar um grande título a Portugal na sua carreira

José Mourinho já ganhou a Liga dos Campeões, os campeonatos de Portugal, Inglaterra e Itália, mas diz ainda ter três objectivos na sua carreira de treinador: ganhar a Champions com três clubes diferentes, ganhar as três ligas mais importantes do mundo e conquistar um grande título com a selecção portuguesa. "Quero dar ao meu país algo que ninguém conseguiu: o título de campeão do Mundo ou da Europa. Isso é mais difícil porque não gosto de treinar selecções. É um sonho. Portugal é um país pequeno, de dez milhões de habitantes, sem potencial económico, sem infra-estruturas, mas tem um futebol que merece algo importante", afirmou Mourinho em entrevista ao diário espanhol El Pais, onde foi destaque da revista de domingo (pela segunda vez consecutiva, um português preenche a capa da revista; a anterior foi a fadista Mariza).

O treinador de 47 anos referiu ainda a importância de o Mundial de 2018 se realizar na Península Ibérica: "Um futebol que deu três Bolas de Ouro, deu Eusébio, Ronaldo, Figo... um país que deu um Benfica histórico e um FC Porto que ganhou a Champions merece duas coisas: ganhar um grande título e ganhar algo mais fácil; chegar, com a ajuda de Espanha, a um Mundial de futebol. Temos de ganhar essa candidatura". Sobre a sua faceta privada, Mourinho confessou que no pouco tempo livre de que dispõe, gosta de estar com a mulher e os filhos, ir ao cinema e ler Gabriel García Márquez.

O avançado Benzema foi o mais recente alvo de Mourinho. "Por ti, os treinos começavam ao meio- -dia. Chegas às 10.00 a dormir e continuas a dormir às 11.00", disse o técnico ao francês durante um treino, com os jogadores a assistir.

A imprensa inglesa afirma que o Real Madrid quer contratar o avançado Emmanuel Adebayor, do Manchester City. Os merengues estariam dispostos a oferecer 24,5 milhões de euros.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG