WannaCry custou 5 milhões às empresas espanholas

Há quatro tipos de prejuízo: perda de informação (39%), interrupção da atividade (36%), perda de receita (20%) e danos aos equipamentos (4%).

O vírus WannaCry, que desde a semana passada afetou mais de 300 mil computadores em todo o mundo, terá custado às empresas espanholas cinco milhões de euros. A estimativa é da Associação Espanhola para o Fomento da Segurança da Informação (ISMS Forum Spain) e é hoje noticiada pelo jornal Expansión.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG