Urbanos entrega providência cautelar contra venda da TAP

A Urbanos quer travar a privatização da TAP. Em causa, refere o Diário Económico, está o receito de que a venda a David Neeleman e Humberto Pedrosa ponha em risco a opção de compra dos 49,9% da Groundforce que ainda estão nas mãos da TAP.

A Urbanos, que detém atualmente 51,1% da Groundforce vai alegar junto do Supremo Tribunal Administrativo que a opção de compra da restante fatia da empresa de handling não foi posta à sua disposição contrariamente ao que havia sido previsto quando, em 2011, ficou com a maioria das ações. Além disso, perante o Tribunal, a empresa irá ainda alegar que o processo de venda viola a Lei quadro das privatizações, uma vez que a Groudforce já tinha sido alvo de uma privatização em 2003 e, como tal, agora deveria ter sido vendida em separado. De acordo com o Diário Económico, a venda da fatia que ainda está na TAP poderia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG