Tribunal de Contas trava 182 milhões de euros em despesas ilegais em 2018

Despesa rejeitada por não cumprir mínimos aumenta 54% face a 2017. Valor controlado pelo Tribunal sobe 16%. Multas e reposições disparam quase 700%

O Tribunal de Contas (TdC) impediu a realização de 182 milhões de euros em despesas públicas, em 2018, por estarem feridas de “ilegalidades”, anunciou a entidade presidida por Vítor Caldeira, esta quarta-feira.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG