Stefano Scarpetta: "Mais velhos têm sido afastado da formação"

As pessoas vão ter de prolongar a vida ativa, mas para isso é necessário sensibilizar os empresários a manterem-nas ou a contratá-las e e formá-las.

O Diretor do Emprego, Trabalho e Assuntos Sociais da OCDE, Stefano Scarpetta, esteve em Lisboa para participar na conferência das Nações Unidas sobre envelhecimento e alerta: este é um problema que tem de ser enfrentado com rapidez e exige que se atue a vários níveis. Será necessário conjugar planos de sensibilização dos empregadores, com esquemas de formação que permitam às pessoas manter-se "empregáveis" e modelos de pensões mais flexíveis.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG