Portugal pouco adepto do online nas compras de supermercado

Por cada mil euros gastos em artigos para o lar, só oito euros são comprados online

O consumidor português está, ainda, pouco desperto para a compra online dos bens de grande consumo. O e-commerce na Europa é dominado por países como o Reino Unido, com uma taxa de 7,5%, a França (5,6%) ou a República Checa (3,2%). Em Portugal, o comércio online dos produtos alimentares e de higiene está, ainda, numa fase de desenvolvimento, com uma taxa de, apenas, 0,9%. Basta ter em conta que, por cada mil euros que os portugueses gastam nas compras para o lar, só oito euros correspondem a aquisições online.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG