Premium Pandemia tira 124 milhões ao lucro do BCP

O lucro do BCP afundou 46% nos nove meses de 2020. Banco pôs de lado quase 500 milhões para eventuais perdas no crédito.

Seis meses de crise provocaram um rombo nos lucros do Millennium bcp. O banco liderado por Miguel Maya viu o seu lucro cair 46% para 146 milhões de euros nos nove meses deste ano. São menos 124 milhões de euros do que o resultado líquido que o banco registou no mesmo período do ano passado. O BCP também pôs de lado 550 milhões de euros para eventuais perdas, sendo a maior parte do valor relativo a possíveis perdas no crédito.

"Foi um trimestre muito difícil. (...) Estamos preparados para um trimestre que vai continuar a ser um trimestre muito difícil", disse ontem Miguel Maya, presidente-executivo do BCP, na conferência de apresentação dos resultados do banco, também transmitida online.

Ler mais

Mais Notícias