Mexia pode arrecadar 7,7 milhões na EDP até 2020

No total do seu quinto mandato, o salário do presidente da EDP poderá ascender a 7,71 milhões de euros.

Na próxima assembleia geral de acionistas da EDP, que terá lugar a 5 de abril, a Comissão de Vencimentos do Conselho Geral e de Supervisão irá propor uma remuneração fixa anual de 800 mil euros para o presidente do conselho de administração executivo, António Mexia, para o triénio 2018-2020, informou a EDP em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG