Investir sem arriscar. É possível, mas rende menos

O risco e a rentabilidade caminham lado a lado, mas há produtos de capital garantido para os mais conservadores.

Um investidor de perfil conservador ou prudente define-se pela preferência por produtos de capital garantido, sendo a aversão ao risco a sua característica mais distintiva, segundo a definição da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). Sabe-se que o risco e a rentabilidade das aplicações financeiras caminham em paralelo, mas há opções para quem prefere não arriscar as suas poupanças.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG