Governo promete ao FMI mais investimento e moderação salarial

Executivo de Costa e Centeno disse aos avaliadores do FMI que vai haver "moderação" nos salários da função pública e mais racionalização da despesa.

A despesa pública portuguesa vai ser alvo de uma recomposição que permitirá ao país ter mais investimento público para enfrentar tempos difíceis que possam surgir num futuro próximo.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG