FMI: Eficiência da banca portuguesa continua a anos-luz da média europeia

FMI sublinha que banca portuguesa deve reforçar 'governance' e garantir que decisões sobre crédito sejam baseadas "unicamente em critérios comerciais"

O "raio-x" hoje divulgado pelo Fundo Monetário Internacional ao sistema financeiro europeu é pouco lisonjeador para o setor em termos globais e mau para o caso português. A banca presente no país continua sem lidar com o malparado de frente, apresenta rácios de eficiência distantes - e muito - das médias europeias e o sonho do regresso à rentabilidade é, ainda agora, pouco mais que isso.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG