Euronext: A tecnologia que faz mexer as bolsas tem pronúncia do norte

O centro tecnológico da Euronext no Porto foi para muitos um regresso a casa e para outros o início de uma vida nova

Cinco anos de estudos e outros tantos de experiência de nada valeram a Marco Machado quando a crise se instalou em Portugal. Em 2012, em plena era da troika, agarrou no canudo e na família e trocou o mar de Vila do Conde pela capital sombria da Irlanda do Norte. De Belfast só conhecia as histórias de violência.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG