ERSE confirma: fatura da luz baixa 18 cêntimos em 2020

Descida do preço aplica-se aos cerca de um milhão de consumidores que se mantêm no mercado regulado

O preço da luz vai descer 0,4% em 2020 para os clientes do mercado regulado. A Entidade Reguladora Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) revelou esta segunda-feira a versão final dos tarifários da energia para o próximo ano, e os valores coincidem com a proposta apresentada pelo regulador em outubro.

De acordo com as contas da ERSE, com esta descida, uma fatura média de 43,9 euros irá sofrer uma redução de 18 cêntimos. Nos Açores e na Madeira, a variação de será de -1%. Já os consumidores que beneficiam da tarifa social, terão uma redução na fatura média mensal de 11 cêntimos, considerando um consumo médio de 27 euros, que já inclui o desconto social de 13,79 euros.

As novas tarifas aplicam-se apenas aos cerca de 1,04 milhões de clientes de eletricidade que ainda se mantém no mercado regulado. Em outubro, já havia mais de 5,2 milhões de clientes no mercado liberalizado, adianta a ERSE, o que representa 94% do consumo total em Portugal.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ana Sanlez é jornalista do Dinheiro Vivo

Mais Notícias