Empresas podem reduzir horários a 100%. Governo reforça apoios à retoma

O Executivo vai flexibilizar os mecanismos de apoio para chegar a mais empresas, sobretudo às mais atingidas pela crise.

O Governo voltou a alterar o mecanismo de apoio à retoma da atividade das empresas afetadas pela crise pandémica. As empresas que tenham quebras de faturação iguais ou superiores a 75% podem reduzir o período normal de trabalho até 100%.

"O Conselho de Ministros aprovou o decreto-lei que altera o apoio extraordinário relativo à retoma progressiva de atividade em empresas em situação de crise empresarial", refere o comunicado depois da reunião semanal do Governo.

"Esta nova avaliação vai no sentido de reforçar os apoios aos empregadores em maior dificuldade, de alargar o acesso a mais empregadores e assim melhorar a sua cobertura, de fortalecer os incentivos à formação e, ao mesmo tempo, os apoios complementares dirigidos a empregadores e trabalhadores", acrescenta a nota.

Em atualização

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias