Empresas de distribuição recusam "diabolização dos plásticos"

APED alega que os seus associados desenvolvem "há vários anos diferentes iniciativas voluntárias para redução do impacto ambiental" do plástico.

A Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) defendeu esta quarta-feira que “não pode haver uma simples diabolização dos plásticos” sem olhar para os “pontos fortes”, e preconizou uma reflexão conjunta sobre as alternativas.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias