Centeno: "Malparado está estabilizado. Mas ainda há muito trabalho a fazer"

O ministro das Finanças destacou o ritmo de redução do malparado de 2000 milhões por trimestre.

Mário Centeno considera que que a situação do sistema bancário teve grandes mudanças nos últimos anos. O ministro das Finanças observou que há dois anos as instituições "não tinham vários dos ingredientes que fazem verdadeiramente um banco", referindo-se a capital, plano de negócios e estruturas acionistas estáveis.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG