Antigo distribuidor processa dona da Super Bock em 2,4 milhões

Primeira sessão do julgamento arranca na quinta-feira no Tribunal de Póvoa do Varzim.

Um antigo distribuidor independente do Super Bock Group está a processar o grupo cervejeiro por “incumprimento contratual”.Pede uma indemnização de cerca de 2,4 milhões. O caso começa a ser julgado a 9 de maio, no Tribunal de Póvoa do Varzim.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG