VAR anula golo a Pedro Neto e Man. United elimina Wolverhampton da Taça

O avançado português marcou aos 10 minutos, mas o lance foi anulado pelo vídeoárbitro. Na segunda parte, Juan Mata apontou o golo da vitória dos red devils.

O Manchester United recebeu e venceu nesta quarta-feira o Wolverhampton, por 1-0, em Old Trafford, e seguiu em frente na Taça de Inglaterra, deixando pelo caminho a equipa treinada pelo português Nuno Espírito Santo, no jogo de desempate após o nulo registado há duas semanas.

Os wolves alinharam de início com três jogadores portugueses - Rúben Neves, João Moutinho e Pedro Neto - e até chegaram a festejar primeiro, logo aos 10 minutos. Mas o VAR anulou o golo marcado por Pedro Neto (já tinha visto o vídeoárbitro anular-lhe um golo contra o Liverpool por um fora de jogo milimétrico), considerando que houve uma mão na bola de Raúl Jiménez.

O golo do Manchester United, que valeu o apuramento para a próxima fase da Taça de Inglaterra foi apontado pelo espanhol Juan Mata, aos 67 minutos. Após uma assistência de Martial, o espanhol isolou-se e picou a bola por cima do guarda-redes Ruddy, que substituiu Rui Patrício na baliza dos wolves.

No outro jogo da taça de Inglaterra disputado nesta quarta-feira, o Cardiff seguiu em frente na prova, ao vencer no terreno do Carlisle, por 4-3.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG