Tottenham expulsa adepto que atirou caneca ao guarda-redes do Chelsea

Além desta decisão, o clube treinado por José Mourinho refere que continua a investigar o alegado comportamento racista dos seus adeptos com o alemão Rudiger, do Chelsea

O Tottenham expulsou um adepto que atirou uma caneca na direção do guarda-redes do Chelsea Kepa Arrizabalaga, durante o jogo da 18.ª jornada da liga inglesa de futebol, que a equipa treinada por José Mourinho perdeu por 2-0.

Em comunicado publicado nesta terça-feira no site oficial na Internet, o clube londrino informa também que continua a investigar o alegado comportamento racista de alguns adeptos relativamente ao internacional alemão Antonio Rudiger, defesa do Chelsea, no mesmo encontro.

O incidente com Kepa ocorreu já na segunda parte do jogo disputado no estádio do Tottenham, sétimo classificado do campeonato inglês, quando um adepto dos spurs atirou uma caneca para o relvado, que caiu perto do guarda-redes do Chelsea.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG