Taça Libertadores: Flamengo de Jorge Jesus inicia defesa do título com triunfo

A equipa brasileira bateu fora os colombianos do Junior Barranquilla, com dois golos da autoria de Éverton Ribeiro.

O Flamengo, de Jorge Jesus, iniciou na quarta-feira com um triunfo a defesa do título na Taça Libertadores em futebol, ao vencer por 2-1 no campo dos colombianos do Junior Barranquilla, em jogo do Grupo A.

Dois golos de Éverton Ribeiro, que marcou aos sete minutos, assistido por De Arrascaeta, e aos 79', após um passe de Michael, que substituíra o uruguaio, selou o sofrido triunfo, que a formação da casa chegou a colocar em causa.

Gabriel Barbosa desperdiçou ocasiões para acabar com o jogo mais cedo, aos 52', 53' e 65 minutos, mas os colombianos também podiam ter chegado várias vezes ao empate, nomeadamente pelo ex-leão Téo Guttiérrez, que falhou aos 45' e 59' e acabou por marcar na última jogada do encontro, aos 90+5.

"Saio satisfeito com o resultado e satisfeito com o jogo. Jogámos contra uma boa equipa, com dois avançados muito bons, que prendem e podem fazer golo a qualquer momento. Defensivamente, fomos quase perfeitos. O Barranquilla não teve oportunidades de golo além do que marcou. O Flamengo teve três ou quatro e fez duas. Isso fez a diferença e é a diferença também dos nossos atacantes. Aqueles que têm a qualidade, geralmente não falham", disse Jesus no final.

O conjunto do treinador português acabou por vencer e somar os três pontos, igualando na liderança do grupo o Independiente del Valle, que, antes, ganhou fora o duelo equatoriano com o Barcelona de Guayaquil por claros 3-0.

Na terça-feira, o Santos, de Jesualdo Ferreira, também entrou da melhor forma, ao vencer no reduto dos argentinos do Defensa y Justicia, de Hernan Crespo, por 2-1, com tentos dos suplentes Jobson, aos 72 minutos, e Kaio Jorge, aos 86, depois de Juan Rodríguez adiantar os locais, aos 45+1 minutos.

O peixe lidera isolado o Grupo G, já que, no Equador, o Delfin empatou a um na receção ao Olímpia Assunção. Os paraguaios adiantaram-se, num autogolo de Luis Canga, aos cinco minutos, e os locais empataram aos 69, pelo uruguaio Martin Alaniz.

Mais Notícias