Continua a lua-de-mel entre Seferovic e o Benfica

Benfica esteve a perder, mas venceu o Feirense (4-1), em partida a contar para a 28.ª jornada da I Liga. Suíço marcou dois golos. Quando faltam jogar seis jornadas, as águias e os dragões permanecem juntos na liderança e na luta pelo título.

Continua a lua-de-mel de Seferovic e o Benfica. Desta vez o destino era Santa Maria da Feira e o suíço não faltou à chamada. Horas depois de se casar o avançado entrou no Marcolino de Castro disposto a prolongar veia goleadora nesta época, naquela que tem sido uma aliança perfeita. O helvético foi a grande figura da equipa ao marcar dois golos no triunfo sobre o Feirense (4-1), tendo chegado ao 22º golo na época e ao 18.º no campeonato.

Tal como o FC Porto (2-1) também o Benfica começou a perder no terreno da equipa de Santa Maria da Feira. E tal como o FC Porto, também o Benfica deu a volta ao marcador, mas de forma mais folgada (4-1) mostrando que não pretende abdicar da liderança. Depois da na conferência de antevisão ter avisado que o Benfica é grande demais para salvar a época com uma Taça de Portugal, Bruno Lage viu a equipa corresponder em campo às suas ideias e mostrar que quer ser campeã. A seis jornadas do fim águias e dragões seguem lado a lado na luta pelo campeonato, embora os da Luz tenham vantagem em alguns critérios de desempate caso seja preciso recorrer a eles para coroar o campeão da época mais equilibrada das últimas temporadas.

Na 28.ª jornada da I Liga, Sturgeon adiantou os da Feira aos 10 minutos, após cruzamento exemplar de Edson Farias ao segundo poste. Os encarnados demoraram a entrar no jogo e acabaram de novo surpreendido. Aos 21 minutos o árbitro anulou o lance que daria o 2-0 ao Feirense e isso parece ter acordado a equipa de Bruno Lage, que daria a volta ao jogo ainda antes do intervalo.

Pizzi, na conversão de uma grande penalidade, aos 40', e de André Almeida, aos 45'+2' levaram o Benfica a vencer para o intervalo.

Na segunda parte, Caio Secco foi evitando que o marcador se dilatasse evitando o golo a Pizzi e segurando os remates de João Félix, Jonas e Taarabt, a novidade no onze do Benfica. O marroquino que foi recuperado para o futebol por Bruno Lage foi assim aposta inicial e saiu aplaudido pelos adeptos, mais pelo esforço do que pelas oportunidades criadas ou influência no jogo.

Depois mais um golo anulado, desta vez ao Benfica (por fora de jogo de João Félix) até Seferovic confirmar o triunfo benfiquista. O suíço bisou na partida (aos 49' e aos 89') e deu a tranquilidade que a equipa precisava. Quanto ao avançado que começou a época como terceira ou quarta opção, depois de Jonas, Ferreyra e Castillo, chega assim à 28.ª jornada destaco na lista dos melhores marcadores do campeonato, com 18 golos.

A vitória permitiu aos encarnados recuperarem a liderança da prova com 69 pontos, em igualdade pontual com o FC Porto, segundo, enquanto o Feirense é último com 15 pontos, a distantes 12 do Nacional, a primeira equipa acima da linha de despromoção. A equipa de Santa Maria da Feira pode mesmo descer de divisão na próxima jornada se não conseguir um resultado positivo.

RESUMO

FIGURA

22 Golos na época, 18 no campeonato é obra para quem começou a época com um pé fora do Benfica. Mais impressionante é a regularidade dos últimos encontros. Marcou em dez das últimas 11 jornadas. Este domingo bisou. Um dos golos é um golaço - um chapéu de pé esquerdo - e outro de cabeça. Seferovic é o melhor marcador do campeonato.

DECLARAÇÕES

Filipe Martins: "Foi evidente que se havia uma equipa que merecia ir a ganhar para o intervalo seria o Feirense. O nosso estado mudou para uma equipa confiante, para uma equipa revoltada no balneário. Quando estávamos a criar instabilidade fomos a perder para o intervalo sem saber ler e escrever. É o futebol."

Bruno Lage: "O que falta é jogo a jogo, final a final, com os nossos adeptos.Disse aos nossos jogadores que tínhamos de ter uma entrada à campeão na segunda parte e marcámos um golo cedo. Depois, gerimos melhor o jogo e, mais importante do que o resultado ou a exibição, são os três pontos."

FICHA DE JOGO

Jogo disputado no Estádio Marcolino Castro, em Santa Maria da Feira

Feirense - Benfica: 1-4.

Marcadores: 1-0, Sturgeon, 10 minutos; 1-1, Pizzi, 40 (grande penalidade); 1-2, André Almeida, 45+2; 1-3, Seferovic, 49; 1-4, Seferovic, 89.

EQUIPAS

Feirense: Caio Secco, Edson Farias, Bruno Nascimento, Briseño, Vítor Bruno, Babanco (Ofori, 79), Aly Ghazal, Sturgeon (Marco Soares, 72), Tiago Silva, Luís Machado (Edinho, 81) e João Silva.

Treinador: Filipe Martins

Benfica: Vlachodimos, André Almeida, Rúben Dias, Ferro, Grimaldo, Florentino, Samaris, Pizzi (Gedson, 87), Taarabt (Cervi, 81), João Félix (Jonas, 74) e Seferovic.

Treinador: Bruno Lage

Árbitro: João Pinheiro (AF Braga)

Ação disciplinar: cartão amarelo para Babanco (58) e Tiago Silva (64)

Mais Notícias

Outras Notícias GMG