Saltou muro, entrou no relvado e tirou foto com Messi, mas foi apanhado

Um jovem francês interrompeu o jogo Maiorca-Barcelona à porta fechada, surpreendendo toda a segurança. Tirou a foto com o craque, mas foi obrigado a apagá-la.

O reinício da Liga espanhola após a paragem de três meses por causa da pandemia de covid-19 ficou marcada por um incidente... inesperado. É que durante a partida entre o Maiorca e o Barcelona no Estádio de Son Moix, um adepto vestido com a camisola da Argentina invadiu o relvado, interrompendo assim a partida aos 52 minutos.

Uma situação inacreditável, uma vez que os jogos da Liga espanhola se realizam também à porta fechada e sob apertadas medidas de segurança. A proeza foi da autoria de um jovem francês que tem como ídolo Lionel Messi e que fez esta loucura apenas para tirar uma fotografia com a estrela do Barcelona. E conseguiu!

Em declarações à rádio Cadena COPE, o invasor explicou o que o motivou nesta louca aventura que lhe poderá trazer problemas com a justiça espanhola.

"Sou francês e sempre vivi aqui. Pedi a Messi uma foto. Não quero entrar em pormenores, nem dizer o meu nome. Suponho que haverá uma queixa contra mim. Disse-lhes o meu nome e o do meu pai", referiu.

"Tirei uma fotografia, mas o polícia obrigou-me a apagá-la. Saltei um murro com cerca de dois metros, com a ajuda de umas escadas, e de repente já estava no campo. Foi tudo planeado desde que soube que iria haver jogo. Quero uma foto com Messi porque ele é o meu ídolo. Foi uma experiência bonita, mas depois eles revistaram o meu telemóvel", finalizou o jovem que entra para a história como o primeiro invasor de relvados da história dos jogos à porta fechada.

O jogo terminou com a vitória do Barcelona por 4-0, com Messi a ser a grande figura ao marcar o último golo, tendo ainda feito duas assistências para Baithwaite e Jordi Alba. Isto depois de Arturo Vidal ter aberto o marcador logo no segundo minuto.

Mais Notícias