Rio Ave vence Besiktas nos penáltis e marca encontro com o Milan

Os vilacondenses garantiram a presença no play-off de acesso à fase de grupos da Liga Europa, após eliminar o Besiktas, na Turquia.

O Rio Ave garantiu esta quinta-feira o apuramento para o play-off de acesso à fase de grupos da Liga Europa, ao vencer em Istambul, o Besiktas, no desempate por penáltis. No final do tempo regulamentar e do prolongamento registou-se um empate 1-1, pelo que foi preciso achar o apurado nas grandes penalidades, onde os vilacondenses levaram a melhor por 4-2.

No play-off, que terá lugar na próxima semana, o Rio Ave vai receber o AC Milan, que venceu os noruegueses do Bodo/Glimt, por 3-2.

Os turcos colocaram-se em vantagem logo aos 15 minutos, através de um cabeceamento de Güven Yalçin, após cruzamento de Necip Uysal.

Este golo entusiasmou o Besiktas que esteve por diversas vezes à beira de aumentar a vantagem, vendo inclusive Dorukhan Toköz rematar ao poste pouco depois da meia hora.

No entanto, a equipa treinada por Mário Silva reagiu na segunda parte e logo as 57 minutos Bruno Moreira, após cruzamento de Carlos Mané, cabeceou à barra. A mesma dupla acabaria por conseguir o empate a cinco minutos dos 90, com novo cruzamento de Mané para o Bruno Moreira concluir da melhor forma.

Ainda antes do final do tempo regulamentar, o Besiktas esteve muito perto de sentenciar a eliminatória, mas o remate do ex-vimaranense Bernard Mensah foi desviado pelo guarda-redes Pawel Kieszek para o poste.

O jogo acabou por ir para prolongamento, durante o qual vieram ao de cima das dificuldades físicas dos jogadores. As melhores ocasiões de golo pertenceram ao Rio Ave, com Gabrielzinho, num rápido contra-ataque, a rematar contra um adversário quando estava em boa posição. E nos instantes finais foi Carlos Mané a surgir isolado, mas o remate cruzado foi defendido pelo guarda-redes Utku Yuvakuran.

No desempate por penáltis, os vilacondenses foram mais felizes, pois transformaram todos os remates golo - Bruno Moreira, Aderlan Santos, Jambor e Matheus Reis -, enquanto os turcos falharam dois penáltis, por Welinton e Larin.

Mais Notícias