Palhinha: "O que quero é jogar e mostrar aquilo que valho"

O médio leonino afirmou neste domingo que tem o objetivo de se afirmar na equipa principal do Sporting, depois de ter sido pouco utilizado na última temporada, e considerou que o futebol "é bonito apenas para os que jogam".

"Não quero repetir a última época. Não quero isso para a minha vida. O que eu quero é jogar e mostrar aquilo que valho. Agora pretendo atingir as melhores condições físicas para poder corresponder ao melhor nível. As pessoas pensam que o futebol é muito bonito, mas é bonito para os que jogam, para os que não jogam não é tão fácil", afirmou Palhinha em declarações aos jornalistas em Nyon, na Suíça, onde o Sporting está a estagiar.

Em 2017-18, o jogador de 23 anos fez apenas sete jogos em todas as competições, tendo marcado dois golos.

Caso não consiga convencer o técnico José Peseiro, Palhinha assumiu que o seu futuro poderá passar por uma transferência, algo que, para já, não está em cima da mesa.

"O que for o melhor para o Sporting será o melhor para mim. Em relação a esse assunto, estou tranquilo", disse o médio defensivo.

Palhinha, que iniciou a sua formação no Sacavenense, antes de ingressar nos escalões jovens do Sporting, desabafou que cumpriu um sonho ao usar a braçadeira de capitão nos dois jogos de pré-temporada que os leões já realizaram.

"Virmos da formação e usarmos a braçadeira é um motivo de orgulho, e é com muita felicidade que encaro esta responsabilidade. Acima de tudo, dá-me confiança para o que aí vem", confessou.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG