Montero chora perda do filho e anuncia que este é o seu último ano em Portugal

Na sequência de uma mensagem deixada no Instagram, a propósito da sua vida particular, colombiano revela que em junho de 2019 deixa o Sporting e Portugal

O futebolista colombiano do Sporting Fredy Montero, cujo contrato termina em junho de 2019, anunciou este domingo que está a cumprir o "último ano em Portugal dentro e fora dos relvados".

Montero fez a revelação na sequência de uma mensagem publicada na rede social Instagram, na qual agradece o apoio recebido após um problema de saúde que levou à interrupção da gravidez da sua mulher.

"Ttivemos a ilusão de que o nosso terceiro filho nasceria em Portugal, assim como as nossas filhas Vivienne e Ruby nascidas em 2013 e 2015", lamenta o jogador.

O internacional colombiano, de 31 anos, regressou ao Sporting durante a época passada, depois de ter alinhado nos leões entre 2013 e 2016, tendo assinado um contrato válido até junho de 2019, que poderia ser renovado por mais duas temporadas. O que pelos vistos não vai acontecer.

Eis a mensagem na íntegra:

Nos últimos dias tem circulado uma notícia sobre a minha família, que eu quero esclarecer. Sem entrar em muitos detalhes sobre a gravidez da minha esposa e quando tudo parecia estar a correr bem, tivemos a infeliz notícia de que nos deparávamos com uma gravidez ectópica, resultando em uma cirurgia de emergência, onde a gravidez foi interrompida.

Juntamente com a minha esposa, tivemos a ilusão de que o nosso terceiro filho nasceria em Portugal, assim como as nossas filhas Vivienne e Ruby nascidas em 2013 e 2015. Não quero, ainda assim, perder a oportunidade de agradecer a Deus por proteger a minha mulher durante aqueles dias de muitas dores, que terminou em cirurgia. Embora não seja uma situação fácil, nós respeitamos a sua vontade e aceitamos o que hoje poderia ser e não é. Esperamos um dia encontrar no céu este filho, que é hoje mais um anjo.

Dou graças aos médicos e enfermeiros do Hospital da Luz, em Lisboa, pela atenção dada à minha mulher, agradeço aos treinadores, jogadores e outros membros da equipa pela sua ajuda e compreensão durante aqueles dias de angústia, aos meus parentes e a todos as pessoas que enviaram as suas orações e mensagens de apoio durante os últimos dias.

À minha esposa Alexis Montero agradeço por mostrar mais uma vez o quão forte é, EU TE AMO. Agora resta apenas olhar para a frente e aproveitar este meu último ano em Portugal dentro e fora dos relvados.

Obrigado a todos vocês.
Família Montero

Mais Notícias

Outras Notícias GMG