Liverpool perto de bater recorde de transferências

Clube inglês quer tornar o brasileiro Alisson como o guarda-redes mais caro da história. Oferece à Roma 62 milhões de libras, qualquer coisa como 70 milhões de euros. Italianos querem 75 milhões

A última final da Liga dos Campeões deve estar bem viva na memória do treinador do Liverpool, o alemão Jürgen Klopp. Quem não se lembra dos lances em que Karius foi mal batido e que abreviou a vitória do Real Madrid em Kiev?

Ainda antes desse encontro já se falava que o brasileiro Alisson era o alvo do Liverpool para estabilizar a sua baliza. O futebolista de 25 anos, titular indiscutível do Brasil, tem mais três anos de contrato com a Roma, clube que o contratou ao Internacional de Porto Alegre, há dois anos, por singelos oito milhões de euros.

Neste momento Alisson, segundo o The Guardian, está muito perto de suceder a Buffon como o guarda-redes mais caro da história. Há 17 anos o italiano trocou o Parma pela Juventus, que pagou 53 milhões de euros. Agora o clube inglês oferece 62 milhões de libras, quase 70 milhões de euros. A Roma pede 75 milhões para libertar o brasileiro de 25 anos. Por isso... recorde à vista.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG