Liga apela ao civismo. FC Porto-Boavista é na noite de São João

Após uma reunião com os clubes, a PSP e a Câmara do Porto, foi decidido manter o dérbi portuense na noite de São João, mas foi lançado um apelo para que os adeptos cumpram as normas de segurança.

O FC Porto-Boavista vai mesmo realizar-se na próxima terça-feira às 21.15 horas, noite de São João. A realização da partida da 28.ª jornada chegou a estar em causa devido à possibilidade de aglomeração de pessoas nas imediações do estádio por se tratar de uma noite festiva, mas depois de uma reunião na sede da Liga de Clubes foi decidido confirmar a realização da partida, embora com um apelo cívico aos adeptos.

A Liga, os representantes de FC Porto, Boavista FC, da Polícia de Segurança Pública e da Câmara Municipal do Porto, estiveram reunidos esta tarde na sede da Liga e "reforçam, uma vez mais, o apelo ao comportamento cívico dos adeptos, de forma a que mantenham a normalidade que se tem verificado até agora nas jornadas já realizadas".

O comunicado publicado no site da Liga refere ainda que "todas as entidades reiteram o pedido para que não existam aglomerações nas imediações do estádio, hotéis e centros desportivos, de forma a que possam ser cumpridas as diretrizes impostas pela Direção Geral da Saúde".

Enquanto isso, a PSP manifestou o seu "empenho na implementação de todas as estratégias de segurança necessárias para que o evento decorra dentro da normalidade".

Esta questão surgiu depois de na quarta-feira, as câmaras do Porto e de Vila Nova de Gaia, bem como operadores de transportes e responsáveis das forças de segurança, terem feito uma recomendação ao Governo e à LPFP para que o jogo fosse adiado.

"Não podendo tomar medidas acerca da realização de jogos de futebol ou do funcionamento de determinadas superfícies comerciais, as entidades presentes vão pedir ao Governo que as assuma também, para que a tentação de festejos na noite de São João não venha a comprometer os resultados muito positivos que a região e as duas cidades em particular têm conseguido na luta contra a covid-19", lia-se na publicação divulgada pelo Município do Porto.

Na ocasião, a câmara do Porto afirmou que era "parecer da PSP" que "o encontro poderá ser um foco de concentração indesejado de adeptos", razão pela qual era sugerido o seu adiamento.

O FC Porto divide com o campeão Benfica a liderança da I Liga, com os mesmos 64 pontos, mas com vantagem no confronto direto com os encarnados, enquanto o Boavista segue no oitavo lugar, com 35.

O dérbi portuense da 28.ª jornada está marcado para terça-feira, às 21.15 horas, no Estádio do Dragão, em mais um embate sem público, tal como os restantes após a retoma da competição devido à pandemia de covid-19.

Mais Notícias