José Peseiro: "Arsenal? Contamos sempre vencer os jogos que jogamos"

Treinador leonino comentou a vitória desta quinta-feira do Sporting no terreno dos ucranianos do Vorskla Poltava por 2-1, a contar para a 2.ª jornada da fase de grupos da Liga Europa

José Peseiro desvalorizou esta quinta-feira, na conferência de imprensa após o jogo, o facto de terem sido dois jogadores saídos do banco, Montero e Jovane Cabral, a apontarem os golos com que o Sporting venceu no terreno dos ucranianos do Vorskla Poltava, por 2-1.

"A solução estava em todos, os que jogaram de início e os que entraram. Somos mais fortes e resultado é justo. Nem sempre a melhor equipa (numa avaliação prévia) ganha. Houve precipitação em alguns momentos do jogo. Eles marcaram o golo na única oportunidade. Têm menos qualidade que nós. Chegámos ao 2-1 no final com mérito, vontade e querer. Tivemos alguma precipitação na procura dos espaços. Faltou-nos ser assertivos nos cruzamentos, falhámos alguns golos. Conclusão, o resultado é justo contra uma equipa que tem menos qualidade que nós, mas nem sempre a melhor equipa ganha", começou por dizer o treinador leonino.

O técnico sportinguista também enalteceu Diaby e Carlos Mané, titulares pela primeira vez esta época, e mostrou confiança nos avançados que tem à sua disposição, apesar da ausência de Bas Dost. "Ele não está connosco há muito tempo e temos vencido jogos. Queremos que todos estejam connosco, que recuperam rapidamente. A equipa que esteve aqui tem qualidade, os titulares e os suplentes. Uma palavra ao Diaby e ao Mané que estiveram muito tempo sem jogar e fizeram as coisas bem. A equipa controlou o jogo, teve mais bola, faltou ter mais paciência, não precipitar. Possivelmente não preenchemos bem as zonas de finalização. Fizemos um bom jogo, mas podíamos ter jogado melhor", frisou, já a pensar no jogo de domingo no campo do Portimonense (20.00): "Não há total recuperação dos jogadores, mas quando se ganha, recupera-se melhor, especialmente a fadiga mental."

Mais distante está o duplo confronto com o Arsenal, a 25 de outubro em Alvalade (17.55) e a 8 de novembro em Londres (20.00). As duas equipas têm seis pontos, os ingleses são favoritos, mas o Sporting não dá os jogos como perdidos. "Contamos sempre vencer os jogos que jogamos. O Arsenal e o Sporting são as melhores equipas do grupo até ao momento", vincou Peseiro.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG