Gil Vicente já tem 15 infetados entre jogadores e staff

Os gilistas anunciaram este domingo mais onze casos de covid-19, que se juntam aos quatro identificados na sexta-feira.

Nove futebolistas e dois elementos da estrutura do Gil Vicente acusaram positivo à covid-19 e estão isolados, indicou à Lusa fonte do clube da I Liga, que já tinha registado quatro casos assintomáticos de infeção na sexta-feira. No total, já são 15 casos no clube.

Os minhotos realizaram testes de despistagem no sábado e conheceram os resultados esta manhã, levando o delegado de saúde local a decretar quarentena obrigatória para todo o plantel, apesar de os 15 membros do clube infetados estarem assintomáticos.

O Gil Vicente tinha suspendido todas as atividades agendadas para o fim de semana, em virtude dos casos confirmados na sexta-feira, e aguarda pela marcação de novos exames, quando faltam seis dias para a estreia na época 2020-21 e tem 17 atletas disponíveis.

Os galos visitam o Sporting no sábado, às 18.30 horas, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, mas os leões detetaram este domingo três jogadores infetados pelo novo coronavírus, o que forçou o cancelamento do encontro do Troféu Cinco Violinos com os italianos do Nápoles.

Ao longo da pré-temporada, o Gil Vicente cumpriu um estágio em Melgaço e disputou quatro partidas de preparação, ao ter vencido o Leixões (3-0), empatado com Moreirense (0-0) e Desportivo de Chaves (0-0) e perdido diante do Sporting de Braga (0-1).

Os flavienses também estão em confinamento enquanto é realizada uma avaliação de risco, após quatro casos positivos de covid-19, que conduziram na sexta-feira ao adiamento do encontro com o Feirense, relativo à jornada inaugural da II Liga.

Um jogador do Moreirense, da I Liga, e outro do Leixões, do escalão secundário, também foram diagnosticados com o vírus e estão e a cumprir isolamento doméstico.

Mais Notícias