Espanhóis insistem em Militão no Real Madrid

Defesa central do FC Porto é prioridade do clube espanhol para a próxima época. Segundo o jornal AS, o Real está disposto a pagar a cláusula de rescisão de 50 milhões de euros.

Éder Militão e o Real Madrid. O interesse do clube espanhol no central brasileiro do FC Porto não é propriamente novo, mas esta quinta-feira o jornal AS voltou à carga com novos pormenores, garantindo com base em fontes conhecedoras do processo que o Real Madrid vai mesmo avançar para a contratação do jogador de 20 anos no final da época e que já existiram contactos entre as partes.

De acordo com o AS, o clube presidido por Florentino Pérez está disposto a cobrir a cláusula de rescisão do jogador no final da temporada, ou seja, pagar 50 milhões de euros ao FC Porto. E para isso, responsáveis do clube espanhol já entraram em contacto com o empresário Giuliano Bertolucci de forma a acelerar a negociação. O Real terá tentado que a operação pudesse ser feita ainda no decorrer deste mês, mas para isso teria de pagar 75 milhões de euros. Para já, contudo, nem o FC Porto se mostrou recetivo a negociar, nem o jogador em interromper a ligação aos dragões.

Além do Real Madrid, também o Manchester United, o Liverpool e o Chelsea entraram na corrida. Mas segundo o AS, e citando fontes próximas do jogador, a entrada em cena do Real Madrid agradou ao defesa central.

Militão chegou ao FC Porto no verão, oriundo do São Paulo, a troco de cerca de quatro milhões de euros. As grandes atuações pelos dragões, sobretudo na Champions, motivaram o interesse de grandes emblemas europeus, até pela forma rápida como se adaptou ao futebol europeu. O Real Madrid está a acompanhar Militão há alguns meses, tendo visto o jogador portista em ação em vários jogos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG