Coronavírus. Jogadores do Rio de Janeiro querem suspensão do campeonato

Sindicato que representa os futebolistas do Rio (o Flamengo de Jorge Jesus incluído) vai pedir na segunda-feira à Confederação Brasileira de Futebol para que os jogos sejam suspensos devido à epidemia de covid-19
.

O Sindicato (Saferj) que representa os jogadores de futebol do Rio janeiro vai pedir na segunda-feira à Confederação Brasileira de Futebol a suspensão dos jogos do campeonato carioca, durante uma reunião com a entidade. Na base deste pedido estão a epidemia de covid-19.

"Precisamos de pensar na saúde dos adeptos e dos jogadores. O mundo está a viver uma crise a nível da saúde e os jogadores estão expostos. Para que um jogo seja possível, os atletas ficam em hotéis, refeitórios, aeroportos, aviões e autocarros. São lugares fechados, que facilitam a propagação do vírus", explicou Alfredo Sampaio, presidente da Saferj.

O dirigente garantiu que esta intenção foi reforçada a pedido dos capitães dos principais clubes do Rio de Janeiro. "Há um consenso por parte dos capitães, o que reforça a atitude que já pretendíamos tomar que é de solicitar a paralisação dos campeonatos. Vai ser péssimo para o calendário do futebol brasileiro, mas estamos a enfrentar um vírus que se está a propagar rapidamente pelo mundo, e o futebol não pode correr o risco de ser um meio para espalhar a doença", disse.

Neste fim de semana, os jogos do campeonato carioca serão realizados à porta fechada, entre eles o Flamengo-Portuguesa.

Recorde-se que esta semana, Maurício Gomes de Mattos, vice-presidente do Flamengo, clube de futebol brasileiro treinado por Jorge Jesus, foi infetado com coronavírus, facto que obrigou toda a equipa do Flamwngo a realizar testes.

Mais Notícias