Bernardo Silva evita restaurante de Guardiola... por ser muito caro

Internacional português do Manchester City afasta rumores que o dão como pretendido pelo Real Madrid e confessa que vai poucas vezes ao restaurante do seu treinador devido aos preços

Bernardo Silva deu uma entrevista ao jornal britânico The Times onde passa em revista a sua carreira e fala da sua vida na cidade inglesa de Manchester, onde atualmente é visto como um dos melhores jogadores do City, a equipa treinada por Pep Guardiola, técnico que não se cansa de elogiar o internacional português.

O ex-jogador do Benfica, que se transferiu do Mónaco para o Manchester City em 2016 a troco de 50 milhões de euros, confessou que raramente frequenta o Tast, restaurante de cozinha catalã sediado em Manchester cujo um dos sócios é precisamente o seu treinador.

"Fui uma vez ao Tast. É muito bom, mas muito caro e o Pep Guardiola não nos faz desconto. Ali paga-se o dobro", disse o jogador em jeito de brincadeira, assumindo que frequenta mais regularmente um outro estabelecimento de gastronomia espanhola que tem como proprietário Juan Mata, jogador espanhol que joga no rival Manchester United.

Na mesma entrevista ao The Times, Bernardo Silva abordou as notícias que o dão como alvo do Real Madrid para a próxima época: "tenho três anos e meio de contrato com o City e estou muito feliz no clube. Se quiserem renegociar o meu contrato estou aberto a fazê-lo. Se mantivermos esta ligação acredito que ainda podemos fazer muita coisa boa. Estou feliz no City e quero ficar."

Mais Notícias

Outras Notícias GMG