Benfica empata na Bélgica e fica em segundo do grupo

A equipa de Jorge Jesus esteve duas vezes em desvantagem frente ao Standard Liège, mas conseguiu arrancar um 2-2 graças aos golos de Everton e Pizzi.

O Benfica encerrou a fase de grupos da Liga Europa com um empate 2-2 na Bélgica, com o Standard Liège, confirmando assim o segundo lugar do grupo D, o que obrigará a equipa de Jorge Jesus a defrontar, nos 16 avos-de-final, um dos primeiros classificados dos restantes grupos ou um dos quatro melhores terceiros classificados da Liga dos Campeões, entre os quais o Manchester United, Shakhtar, Ajax e Brugge.

Ainda assim, mesmo que tivesse vencido em Liège, a equipa de Jorge Jesus não teria conseguido o primeiro lugar do grupo D, uma vez que o Rangers foi à Polónia vencer o Lech Poznan, por 2-0, e segurou a liderança.

O Standard Liège foi a primeira equipa a marcar: aos 12 minutos por Raskin que saltou sem oposição na zona central da área do Benfica.

Quatro minutos depois o Benfica empatou. Na sequência de um centro Pedrinho para a área Everton Cebolinha marcou de cabeça (1-1).

Aos 60 minutos, os belgas voltam a colocar-se em vantagem com um remate de longe de Tapsoba, que toca em Vertonghen e trai o guarda-redes Helton Leite.

Durou sete minutos a vantagem dos belgas, pois após um derrube ao defesa-direito João Ferreira, o árbitro mandou marcar penálti, que Pizzi se encarregou de bater e fazer o empate 2-2.

O Benfica mede esta tarde (17.55, SIC) forças com o Standard Liège na última jornada do Grupo D da Liga Europa. Os belgas já estão eliminados, enquanto a equipa de Jesus ainda procura o primeiro lugar do grupo. Para isso tem de fazer melhor resultado do que o Rangers, que joga na Polónia com o Lech Poznan.

FICHA DO JOGO

Estádio Maurice Dufrasne, em Liège
Árbitro: Aleksey Kulbakov (Bielorrússia)

Standard Liège: Bodart, Jans, Bokadi, Laifis, Gavory, Cimirot, Bastien, Raskin (Joachim Gonzalez, 80'), Shamir (Collins Fai, 59'), Balikwisha (Muleka, 59'), Tapsoba (Oulare, 73')
Treinador: Philippe Montanier

Benfica: Helton Leite; João Ferreira, Vertonghen, Jardel, Nuno Tavares (Franco Cervi, 80'); Pedrinho (Rafa Silva, 64'), Weigl (Gabriel, 80'), Taarabt (Seferovic, 83'), Everton; Waldschmidt (Pizzi, 64'), Darwin Núñez
Treinador: Jorge Jesus

Cartão amarelo a João Ferreira (53'), Cimirot (65')

Golos: 1-0, Rasjin (12'); 1-1, Everton (16'); 2-1, Tapsoba (60'); 2-2, Pizzi (67' gp)

Mais Notícias

Outras Notícias GMG