Al Hilal oficializa saída de Jorge Jesus

Clube saudita explica decisão com a falta de vontade do técnico em continuar na próxima época, na qual a Liga dos Campeões asiática é o grande objetivo do Al Hilal

A experiência de Jorge Jesus na Arábia Saudita não durou mais do que seis meses. Em nota divulgada esta quarta-feira nas redes sociais, o clube da Arábia Saudita refere que a intransigência do técnico português em renovar o contrato e continuar no Al Hilal por mais um ano levou à decisão de terminar o contrato.

"A falta de vontade de Jesus em continuar na próxima época, tendo em vista a Liga dos Campeões Asiática, uma das prioridades da administração, levou à escolha de uma nova equipa técnica. O clube agradece sinceramente toda a dedicação de Jorge Jesus", lê-se no comunicado, onde o clube demonstra "apreço e gratidão" pelo trabalho de Jesus durante estes meses.

Recorde-se que o Al Hilal lidera a liga da Arábia Saudita, com 40 pontos em 17 jornadas, fruto de 12 vitórias, quatro empates e uma derrota.

O Al Hilal anuncia também já o nome de Zoran Mamic como substituto do ex-treinador de Sporting e Benfica.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG