30 anos de Riade. O percurso e o que fazem agora os campeões do mundo

Quase todos os ex-jogadores continuam ligados ao futebol ou, pelo menos, ao desporto. Três décadas depois da histórica vitória no Mundial de sub-20, recorde o percurso dos atletas e saiba o que fazem atualmente

Celebram-se este domingo os trinta anos da vitória portuguesa no Mundial de sub-20, em Riade, na Arábia Saudita. Nessa tarde de 3 de março de 1989, Abel Silva e Jorge Couto fizeram os golos da vitória por 2-0 sobre a Nigéria, na final, confirmando a glória de uma seleção orientada por Carlos Queiroz. Estava dado o pontapé de saída da Geração de Ouro do futebol português.

Portugal arrancou a fase de grupos com uma vitória (1-0) frente à Checoslováquia, seguindo-se novo triunfo pelo mesmo resultado contra a Nigéria, depois adversário na final. Na última jornada da primeira fase a seleção de sub-20 foi derrotada pela equipa da casa por 3-0, com os únicos três golos que a equipa das quinas sofreu em toda a competição.

Já a eliminar, mais duas vitórias pela margem mínima e com um golo marcado. Primeiro, contra a Colômbia, e depois frente ao poderoso Brasil, equipa que para muitos já estava, pelo menos, na final. Mas um golo de Jorge Amaral, que nos dias de hoje trabalha numa empresa de táxis, colocou Portugal no jogo decisivo, onde o capitão Tozé levantou a taça dos vencedores.

Foi o culminar de vários anos de trabalho nas camadas jovens da seleção nacional, como recordou o defesa Paulo Madeira, em declarações ao DN. Aos 48 anos, o ex-jogador de Benfica, Belenenses, Marítimo e Est. Amadora lembrou a conquista do mundial onde alinhou em todos os encontros.

"Nos últimos três ou quatro anos antes de Riade, esta geração esteve em estágio mais de 200 dias. Foi muita convivência, brincadeira e seriedade. Criou-se união e um grande conhecimento entre todos. Há um pós e pré Riade. Foi um abrir de olhos. As pessoas não imaginam os sacrifícios para chegarmos lá", referiu.

Paulo Madeira recordou ainda o "impacto da chegada a Portugal, com o aeroporto cheio". "Foi aí que tivemos a noção do que fizemos. Foi algo diferente, que abriu as portas ao futebol de formação em Portugal e a mais conquistas. As pessoas passaram a olhar para a formação com outros olhos", disse o agora agente.

Embora as grandes memórias da conquista, 30 anos é uma distância considerável, e o antigo defesa contou, entre risos, uma ausência coletiva de certeza quando a maioria dos campeões se juntou na Cidade do Futebol, na passada quinta-feira, para celebrar a data.

"Tentámos recordar o nosso grito. Carlos Queiroz tinha a bola na mão, e todos tocávamos nela, mas de resto ninguém se lembrou bem [risos]. Ficámos na dúvida. Mas ainda recordamos algumas coisas, como as dificuldades em comunicar com Portugal na altura, por exemplo", contou Paulo Madeira, que somou depois 24 jogos ao serviço da principal seleção portuguesa.

Resta dizer que naquela altura já havia prémios de jogo estipulados pela Federação Portuguesa de Futebol. Por passar a 1.ª fase cada jogador recebeu 25 contos. Se atingisse o 4.º lugar o prémio era de 125 contos, o 3.º lugar dava direito a 150 contos, o 2.º a 175 contos, e a conquista do título rendia um prémio de 200 contos.

Feitas as contas, metade dos campeões Riade (nove jogadores) chegou à seleção A, num total de 315 internacionalizações. Os principais responsáveis pelo número são Fernando Couto (110 jogos) e João Vieira Pinto (81), seguidos por Paulo Sousa (51), António Folha (26) e Paulo Madeira (24). Dos restantes, Paulo Alves tem 13 internacionalizações pela equipa A, Jorge Couto tem 6, e Filipe Ramos tem 3. Hélio Sousa, atual selecionador nacional de sub-20, tem um jogo pela principal seleção.

Três décadas depois do histórico triunfo, poucos são os que não estão ligados ao mundo do futebol. João Vieira Pinto, atual vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol, António Folha, treinador do Portimonense, ou Hélio Sousa, Filipe Ramos e Fernando Brassard, todos ligados a equipas nacionais, são alguns dos exemplos de ex-craques que não deixaram o desporto em que brilharam. De momento, apenas Abel Silva, José Xavier e Jorge Amaral não se encontram no meio desportivo. António Resende, além de trabalhar na Câmara Municipal de Loulé, é treinador de uma equipa de futsal em Quarteira, e Tozé, atualmente professor de Educação Física, está "inclinado" a aceitar uma proposta dos Emirados Árabes Unidos, "em maio ou junho". Este último, capitão de equipa da vitoriosa geração de 1989, ainda pratica futebol, nos veteranos do Perafita.

Recorde o percurso dos campeões de Riade e o que fazem atualmente.

Fernando Brassard
Posição: Guarda-redes
Clube em 1988/1989: Benfica
Jogos no Mundial: 0
Clubes que representou: Louletano, Marítimo, Gil Vicente, V. Guimarães, Benfica, Varzim e V. Setúbal.
Títulos: Mundial de sub-20 (1989 e 1991) e uma Taça de Portugal
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no V. Setúbal (2000/2001)
O que faz atualmente: Treinador de guarda-redes da seleção nacional de sub-21

José Bizarro
Posição: Guarda-redes
Clube em 1988/1989: Benfica
Jogos no Mundial: 6/3 golos sofridos
Clubes que representou: Benfica, Leixões, Louletano, Ovarense, Marítimo, Ourense (Espanha), Leganés (Espanha), Rio Ave e Maia.
Títulos: Mundial de sub-20 (1989)
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Maia (2004/2005)
O que faz atualmente: Treinador do SC Coimbrões (Campeonato de Portugal)

Abel Silva
Posição: Defesa
Clube em 1988/1989: Benfica
Jogos no Mundial: 5/1
Clubes que representou: Benfica, Académica, Penafiel, Marítimo, V. Setúbal, Felgueiras, Campomaiorense, Estoril, Alverca, Atlético e Juventude Castanheira.
Títulos: Mundial de sub-20 (1989), I Liga (1988/1989 e 1993/1994), II Liga (1996/1997) e Taça de Portugal (1992/1993).
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Juventude Castanheira (2001/2002)
O que faz atualmente: Ao que o DN apurou não tem ocupação, de momento.

Mário Morgado
Posição: Defesa
Clube em 1988/1989: Gil Vicente (emprestado pelo FC Porto)
Jogos no Mundial: 6
Clubes que representou: Gil Vicente, Feirense, FC Porto, Rio Ave, Famalicão, Beira-Mar, Varzim, Desp. Chaves, U. Madeira, Leºa e Felgueiras.
Títulos: Mundial sub-20 (1989), I Liga (1991/1992), Taça de Portugal (1990/1991) e Supertaça de Portugal (1991)
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Felgueiras (2001/2002)
O que faz atualmente: Treinador adjunto da Oliveirense (II Liga)

Paulo Madeira
Posição: Defesa
Clube em 1988/1989: Benfica
Jogos no Mundial: 6
Clubes que representou: Benfica, Marítimo, Belenenses, Fluminense e Est. Amadora.
Títulos: Mundial de sub-20 (1989), I Liga (1990/1991), Taça de Portugal (1992/1993) e Supertaça de Portugal (1989).
Internacionalizações A: 24/3 golos
Terminou a carreira no Est. Amadora (2003/2004)
O que faz atualmente: Agente de jogadores

Pedro Valido
Posição: Defesa
Clube em 1988/1989: Feirense (emprestado pelo Benfica)
Jogos no Mundial: 6
Clubes que representou: Estoril, Feirense, Gil Vicente, Benfica, Marítimo, Est. Amadora, Tirsense, Belenenses, Felgueiras, Alverca, Amora, Operário de Lagoa, Atlético, Seixal e Beira-Mar (Monte Gordo).
Títulos: Mundial sub-20 (1989)
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Beira-Mar (Monte Gordo) (2004/2005)
O que faz atualmente: Treinador adjunto do Benfica B

Fernando Couto
Posição: Defesa
Clube em 1988/1989: Famalicão (emprestado pelo FC Porto)
Jogos no Mundial: 4
Clubes que representou: FC Porto, Famalicão, Académica, Parma (Itália), Barcelona (Espanha) e Lazio (Itália).
Títulos: Mundial sub-20 (1989), Taça Uefa (1994/1995), Supertaça Europeia (1997 e 1999), Taça das Taças (1996/1997 e 1998/1999), I Liga (1987/1988, 1991/1992 e 1992/1993), Taça de Portugal (1990/1991 e 1993/1994), Supertaça de Portugal (1991 e 1993), Liga espanhola (1997/1998), Taça de Espanha (1996/1997 e 1997/1998), Supertaça de Espanha (1996), Liga Italiana (1999/00), Taça de Itália (1999/00 e 2003/2004) e Supertaça de Itália (1998 e 2000)
Internacionalizações A: 110/8 golos
Terminou a carreira no Parma (2007/2008)
O que faz atualmente: Ao que o DN apurou, está neste momento ligado ao agenciamento de jogadores.

Paulo Sousa
Posição: Médio
Clube em 1988/1989: Benfica
Jogos no Mundial: 2
Clubes que representou: Benfica, Sporting, Juventus (Itália), Borussia Dortmund (Alemanha), Inter (Itália), Parma (Itália), Panathinaikos (Grécia) e Espanyol (Espanha).
Títulos: Mundial de sub-20 (1989), Taça Intercontinental (1997), Taça Uefa (1997/1998), Liga dos Campeões (1995/1996 e 1996/1997), I Liga (1990/1991), Taça de Portugal (1992/1993), Supertaça de Portugal (1989), Supertaça da Alemanha (1996), Liga italiana (1994/1995), Taça de Itália (1994/1995) e Supertaça de Itália (1995 e 1999).
Internacionalizações A: 51
Terminou a carreira no Espanyol (2001/02)
O que faz atualmente: Treinador

Jorge Couto
Posição: Médio
Clube em 1988/1989: Gil Vicente (emprestado pelo FC Porto)
Jogos no Mundial: 4/2 golos
Clubes que representou: Gil Vicente, FC Porto e Boavista.
Títulos: Mundial sub-20 (1989), I Liga (1989/90, 1991/92, 1992/93, 1994/95, 1995/96 e 2000/01), Taça de Portugal (1990/1991, 1993/1994 e 1996/1997).
Internacionalizações A: 6
Terminou a carreira no Boavista (2002/2003)
O que faz atualmente: Treinador do Boavista B.

António José Pereira (Tozé)
Posição: Médio
Clube em 1988/1989: Leixões
Jogos no Mundial: 6
Clubes que representou: Leixões, Tirsense, Leça, Alverca, Maia, Leixões e Custóias.
Títulos: Mundial sub-20 (1989) e II Liga (1993/1994).
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Custóias (2013/2014)
O que faz atualmente: Professor de Educação Física e joga ainda no Perafita (veteranos).

Hélio Sousa
Posição: Médio
Clube em 1988/1989: V. Setúbal
Jogos no Mundial: 6
Clubes que representou: V. Setúbal
Títulos: Mundial sub-20 (1989) e Taça de Portugal (2004/2005).
Internacionalizações A: 1
Terminou a carreira no V. Setúbal (2004/2005)
O que faz atualmente: Selecionador nacional de sub-20

José Xavier
Posição: Médio
Clube em 1988/1989: Estoril (emprestado pelo Benfica)
Jogos no Mundial: 3
Clubes que representou: Benfica, Estoril, Mirense, U. Leiria, Marinhense, Feirense, Vila Real e Marinhense.
Títulos: Mundial de sub-20 (1989)
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Marinhense (2001/2002)
O que faz atualmente: Última ocupação conhecida é numa fábrica de vidro na Marinha Grande.

Filipe Ramos
Posição: Médio
Clube em 1988/1989: Torreense
Jogos no Mundial: 5
Clubes que representou: Torreense, Sporting, Marítimo, V. Guimarães, Desp. Chaves, Naval, Atlético e Mafra.
Títulos: Mundial sub-20 (1989), Taça de Portugal (1994/1995) e Supertaça de Portugal (1995).
Internacionalizações A: 3
Terminou a carreira no Mafra (2004/2005)
O que faz atualmente: Selecionador nacional de sub-19

Paulo Alves
Posição: Avançado
Clube em 1988/1989: Gil Vicente (emprestado pelo FC Porto)
Jogos no Mundial: 4/1 golo
Clubes que representou: Gil Vicente, Tirsense, Marítimo, Sp. Braga, Sporting, West Ham (Inglaterra), Bastia (França) e U. Leiria.
Títulos: Mundial de sub-20 (1989), Supertaça de Portugal (1995) e II Liga (1989/1990).
Internacionalizações A: 13/7 golos
Terminou a carreira no Gil Vicente (2004/2005)
O que faz atualmente: Treinador

António Resende
Posição: Avançado
Clube em 1988/1989: Farense (emprestado pelo Benfica)
Jogos no Mundial: 2
Clubes que representou: Benfica, Farense, Feirense, Ac. Viseu, Ovarense, Amora, Rio Ave, Desp. Beja, V. Setúbal, Gondomar, Louletano, Juventude Évora e Quarteirense.
Títulos: Mundial sub-20 (1989) e II Liga (1995/1996).
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Quarteirense (2003/2004)
O que faz atualmente: Treinador na equipa de futsal Checul, em Quarteira. É ainda, no mesmo local, funcionário na Câmara Municipal de Loulé.

João Vieira Pinto
Posição: Avançado
Clube em 1988/1989: Boavista
Jogos no Mundial: 6/1 golo
Clubes que representou: Boavista, Atlético Madrid, Benfica, Sporting, Boavista e Sp. Braga.
Títulos: Mundial sub-20 (1989 e 1991), I Liga (1993/1994 e 2001/2002), Taça de Portugal (1991/1992, 1992/1993, 1995/1996 e 2001/2002) e Supertaça de Portugal (2000 e 2002)
Internacionalizações A: 81/23 golos
Terminou a carreira no Sp. Braga (2007/2008)
O que faz atualmente: Vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol

António Folha
Posição: Avançado
Clube em 1988/1989: FC Porto
Jogos no Mundial: 4
Clubes que representou: FC Porto, Gil Vicente, Sp. Braga, Standard Liége (Bélgica), AEK (Grécia) e Penafiel.
Títulos: Mundial sub-20 (1989), I Liga (1991/1992, 1994/1995, 1995/1996, 1996/1997, 1997/1998 e 1998/1999), Taça de Portugal (1993/1994, 1997/1998, 1999/2000 e 2000/2001) e Supertaça de Portugal (1991, 1993, 1994 e 1998).
Internacionalizações A: 26/5 golos
Terminou a carreira no Penafiel (2004/05)
O que faz atualmente: Treinador do Portimonense

Jorge Amaral
Posição: Avançado
Clube em 1988/1989: Ac. Viseu (emprestado pelo Sporting)
Jogos no Mundial: 3/1 golo
Clubes que representou: Ac. Viseu, Sporting, Benfica, Felgueiras, Belenenses, V. Setúbal, Santa Clara, Atlético, Olhanense e Beira-Mar (Monte Gordo).
Títulos: Mundial sub-20 (1989), Supertaça de Portugal (1987) e II Divisão (2003/2004)
Internacionalizações A: 0
Terminou a carreira no Beira-Mar (Monte Gordo) (2005/2006)
O que faz atualmente: Trabalha numa empresa de táxis

Mais Notícias

Outras Notícias GMG