Tunísia despede-se com vitória sobre o Panamá

Panamá colocou-se em vantagem com um autogolo de Meriah, aos 33'. Tunisinos empataram por Ben Youssef (51'). Wahbi Khazri fez o 1-2.

Tunísia e Panamá defrontaram-se esta quinta-feira já sem hipóteses de se apurarem para os oitavos de final, pois os dois lugares do Grupo G já estavam entregues à Bélgica e Inglaterra. Por isso as duas seleções lutavam apenas por um objetivo: despedirem-se do torneio da Rússia com pelo menos uma vitória.

E essa honra coube aos africanos, que ao intervalo até estavam em desvantagem, na sequência de um autogolo de Meriah, aos 33 minutos. No segundo tempo, contudo, os africanos transfiguraram-se. Com mais posse de bola do que o adversário, começaram a rondar desde cedo a baliza de Penedo. E aos 51 minutos viram este domínio premiado, com o golo do empate, da autoria de Ben Youssef (51'), que fica para a história como o jogador que marcou o golo 2500 da história dos Mundiais.

O triunfo dos tunisinos foi selado aos 66 minutos, obra de Khazri, que se tornou no primeiro jogador da história do seu país a marcar mais do que um golo num Campeonato do Mundo

Jogos e resultados do dia:

Japão - Polónia (0-1, resultado final)

Senegal - Colômbia (0-1, resultado final)

Inglaterra - Bélgica (0-1, resultado final)

Panamá - Tunísia (1-2, resultado final)

Mais Notícias

Outras Notícias GMG