Tribunal declara como particulares terrenos no Autódromo do Estoril

Os herdeiros da família Reis podem impedir a realização de provas desportivas ou até inviabilizar a venda do equipamento, revela o Público

A sentença do Juízo Cível do Tribunal de Família e Menores e de Comarca de Cascais declarou que existem terrenos particulares no Autódromo do Estoril, pertencentes aos herdeiros da família Reis, avança esta terça-feira o Público.

Está em causa um processo avançado pela família há 14 anos, sendo que em 2002 estava sob controlo do Estado, tendo sido transitado para a Parpública, atual responsável deste local.

É assumida a hipótese por parte dos herdeiros de proceder com uma providência cautelar, de modo a impedir a realização de provas desportivas motorizadas, ou mesmo de tentar evitar a venda do equipamento.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG