Exclusivo Tia Leila, a nova presidente que segura Abel Ferreira no Palmeiras

A primeira mulher a liderar o clube paulista já garantiu a continuidade do treinador português pelo menos até final de 2022. Na primeira semana como líder do clube viu a sua conta bancária ser inundada pelo dinheiro dos adeptos que pretendem ajudar a comprar um avançado.

Leila Pereira tornou-se esta semana na primeira mulher presidente do Palmeiras. Entre lágrimas, na hora do discurso de vitória, esta advogada de 57 anos fez o anúncio que todos os adeptos desejavam: o português Abel Ferreira vai continuar no comando da equipa. "O técnico permanece connosco, cumprindo o seu contrato até 2022 e com possibilidade de estender até final de 2023. Tenho certeza que ele está muito feliz, assim como os nossos milhões de torcedores", anunciou.

Foi eleita uma semana antes de o clube paulista ter conquistado o segunda segunda Taça Libertadores consecutiva sob o comando de Abel Ferreira - na final com o Flamengo - com uma maioria esmagadora de 1897 votos dos 2141 sócios que foram às urnas. A popularidade de Tia Leila, como é carinhosamente tratada pelos adeptos de Verdão, é tão grande que o ex-presidente Maurício Galiotte decidiu não recandidatar-se.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG