Steve Thompson tem 42 anos e não se lembra de ter vencido o Mundial de râguebi

Antigo internacional inglês esquece-se por vezes do nome da mulher e anunciou recentemente um processo judicial contra as entidades que tutelam a modalidade que praticou

Steve Thompson jogou todos os jogos do único Mundial de râguebi que Inglaterra ganhou, em 2003, mas nem mesmo quando se vê nos vídeos a abrir champanhe e a erguer o troféu reconhece que ganhou o torneio. "Não estava lá. Esse não sou eu."

Aos 42 anos, o antigo internacional inglês apagou da memória tudo o que aconteceu naquela competição realizada na Austrália e é hoje um dos mais mediáticos do grupo de oito ex-jogadores, todos com diagnóstico de demência, que responsabiliza as autoridades do râguebi por negligência na proteção da saúde dos atletas.

Apesar de a idade não ser muito avançada, Thompson, que é pai de quatro filhos, esquece-se por vezes do nome da mulher, conta o El Pais.

73 vezes internacional por Inglaterra, o antigo jogador anunciou recentemente um processo judicial contra as entidades que tutelam a modalidade que praticou. "Não quero acabar com o râguebi, apenas torná-lo mais seguro. Uma carreira pode terminar repentinamente, mas há uma vida inteira pela frente", explicou, ainda sem ter obtido qualquer reação da principal entidade internacional, a World Rugby.

Os advogados do grupo de ex-jogadores afirmam que há mais de 80 jogadores entre os 25 e 55 anos com demência, perda de memória ou depressão, sintomas de encefalopatia traumática crónica (CTE), apenas diagnosticável ​após a morte.

Embora a modalidade tenha tomado medidas para reduzir os impactos na cabeça, como a proibição de tackles altos e a obrigação de retirar um jogador de campo se tiver algum risco de concussão, o antigo internacional inglês tem sequelas de um tempo anterior a essas restrições. "Lembro-me de um treino de scrum [método de reinício de jogo em que jogadores das duas equipas se juntam com a cabeça abaixada e se empurram para ganhar a posse de bola] que não estava a correr bem e tivemos de repetir mais de 100 vezes. Éramos como pedaços de carne", frisou.

Thompson retirou-se inicialmente da competição em 2007 devido a uma grave lesão no pescoço. Ainda voltou ao ativo, mas pendurou definitivamente as botas em 2011 após uma recaída.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG