Prazo expirou e Bruno de Carvalho não respondeu à nota de culpa

Ex-presidente do Sporting e restantes elementos do Conselho Diretivo que liderava não se defenderam dos factos que levaram a comissão de fiscalização a suspender os membros do órgão

Bruno de Carvalho (presidente), Carlos Vieira (vice-presidente), Rui Caeiro, Alexandre Godinho, José Quintela, Luís Gestas e Luís Roque (vogais) não respondera, até ao fim do dia desta quarta-feira à nota de culpa que levou a comissão de fiscalização, liderada pelo jornalista Henrique Monteiro, a aplicar a pena de suspensão, no passado dia 13 de junho, a todos os membros que compunham o Conselho Diretivo (CD) do Sporting.

O processo segue agora os trâmites normais e até final da próxima semana devem ser conhecidas as penas aos antigos elementos do CD - arquivamento, repreensão, suspensão e expulsão são as possíveis sanções - que não terão de ser necessariamente similares.

No que diz respeito a uma eventual candidatura pode ficar a saber aqui qual é o melhor cenário para Bruno de Carvalho.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG