Inglaterra goleia Panamá e é líder

Com hat trick do goleador do Rússia 2018, Harry Kane, a Inglaterra obteve a maior goleada nos mundiais ao esmagar o Panamá, por 6-1, e chegou à liderança do Grupo G. Valeu o golo panamiano, o primeiro da história

A Inglaterra chegou ao intervalo com a maior diferença no resultado de sempre, que tinha sido estabelecida pela Hungria em 1982 sobre El Salvador (muda aos cinco, acaba aos 10-0). Harry Kane fez dois de penálti, antes de um calcanhar afortunado lhe dar o hat trick e a liderança dos melhores marcadores (cinco golos, mais um do que Cristiano Ronaldo e Romelo Lukaku).

John Stones bisou e Lingaard fez o golaço do dia, depois de uma troca de bola com Sterling que o colocou numa diagonal à entrada da área que concluiu com um remate em arco. Felipe Baloy tornou-se imortal no Panamá, ao apontar o único golo da seleção em mundiais.

A Inglaterra, apesar de ter a mesma diferença de golos do que a Bélgica (8-2), parte em vantagem para o jogo que decidirá o primeiro lugar, uma vez que o critério seguinte (diferença de golos, golos marcados) é o fair play. Os ingleses só viram um cartão amarelo, os belgas viram três. O Panamá-Tunísia serve para fugir ao último lugar, que os africanos evitarão em caso de empate.

Jogos e resultados do dia:

Inglaterra - Panamá (6-1, resultado final)

Japão - Senegal (às 16.00)

Polónia - Colômbia (às 19.00)

Mais Notícias

Outras Notícias GMG