Cinco dias para Danny recuperar de remoção de quisto

Danny enfrenta um período de cinco dias de recuperação de uma operação a que foi submetido ontem. Esse foi, em bom rigor, o motivo para ter pedido dispensa da selecção nacional.

A remoção de um quisto, segundo comunicou o clube em que o futebolista actua, o Zenit, afastou-o dos jogos decisivos de Portugal com a Islândia e a Dinamarca, de apuramento para a fase final do Europeu de 2012.

"O Danny já está em casa, depois de ter extraído um quisto. Em princípio, não há grandes preocupações. A operação correu bem", disse Carlos Jorge Alves, o pai do jogador dos russos, ao DN. "Já falei com ele e está bem disposto, junto da mulher e das filhas", completou, revelando ainda que Danny vai dar uma conferência de imprensa, ainda esta semana, para explicar o sucedido.

Leia mais no e-paper do DN

Mais Notícias