Rui Pedro Soares lamentou semana "trágico-cómica" no Belenenses

Sem água quente nem luz. Eis a preparação para o jogo com o Sporting (5-2).

O presidente da SAD do Belenenses lamentou, na segunda-feira, a semana "trágico-cómica" pelos 'azuis', como o corte de água quente e de eletricidade, em declarações após o jogo com o Sporting, para a I Liga de futebol.

"Tivemos uma semana trágico-cómica, vamos defini-la assim. Não ajudou, mas não foi responsável por esta derrota (5-2). O Belenenses quando quer pensar no longo prazo não é assim que vai crescer. O Belenenses tem sete mil sócios e o estádio tem 20 mil lugares. Jogar com o FC Porto, Benfica e Sporting, temos sempre mais adeptos adversários. Temos de crescer e eu vou falar a verdade aos sócios do Belenenses", afirmou Rui Pedro Soares.

O responsável pela SAD do emblema do Restelo admitiu que o Belenenses não esteve ao nível habitual no embate com os 'leões', realçando o sucesso alcançado nos quatro anos da sua gestão, recordando o regresso à I Liga e o desempenho na Liga Europa, em contraste com o sucedido na última semana, com o corte de água quente e de eletricidade e o desaparecimento de cadeiras em camarotes antes do jogo com o Sporting.

"Eu não sei porque é que isto acontece, mas não há nada que justifique deixar os jogadores a tomar banho de água fria, ou o treinador ter de ir para casa por não conseguir trabalhar", referiu Rui Pedro Soares, lamentando o diferendo existente entre a SAD e a direção do clube, assegurando que, apesar dos "contratempos", está a ser seguido o planeamento para a próxima época.

Além destes episódios, registados durante a semana, que o treinador Julio Velázquez também lamentou na conferência de imprensa, Rui Pedro Soares assinalou a apresentação de uma queixa às autoridades pelo desaparecimento das cadeiras de alguns camarotes.

"Fizemos uma participação, espero que decorra um inquérito, e temos de pedir desculpa às pessoas que tinham comprado lugares para esse camarote, devolvemos o dinheiro, assistiram ao jogo, mas não foi no camarote. É um triste episódio, mas espero que a policia consiga identificar quem foi o delinquente, e a queixa não será retirada", rematou

Mais Notícias

Outras Notícias GMG